American Medical Association cria programa para treinamento em PEP para estudantes de medicina

Guilherme

, Tecnologia

Em parceria com o Regenstrief Institute e a Indiana University School of Medicine, nos EUA, a American Medical Association (AMA) desenvolveu um programa para ampliação e divulgação de treinamentos em Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP) nas escolas de medicina. O objetivo da iniciativa é permitir que estudantes de medicina se familiarizem com essa tecnologia, de modo que possam utilizá-la adequadamente durante o processo de atenção à saúde.

De acordo com a vice-presidente de Educação Médica da AMA, Susan Skochelak, as escolas de medicina são muito boas na preparação dos alunos para as ciências básicas e clínicas, que são essenciais para a prestação de cuidados ao paciente. No entanto, muitos moradores e jovens médicos estão saindo da faculdade de medicina com lacunas na sua capacidade de praticar no moderno sistema de saúde.

“Muitas vezes, os alunos entram no treinamento de residência sem a capacidade de Efetivamente e eficientemente trabalham com EHRs, mesmo que sejam uma das principais ferramentas que os médicos usam na prática diária. É por isso que estamos trabalhando com algumas das principais escolas de medicina do país para desenvolver formas ousadas e inovadoras para melhorar o treinamento de médicos. O Regenstrief EHR Clinical Learning Platform é um dos principais resultados deste trabalho coletivo para garantir que os médicos estejam preparados para chegar ao chão correndo quando entram na prática”, cmpleta Susan.

Fonte: AMA