Empresas de TI brilham durante o Líderes da Saúde 2017

Guilherme

, Mercado

Na primeira semana de dezembro, o Grupo Midia reuniu cerca de 500 executivos durante a cerimônia de premiação do Líderes da Saúde, que ocorreu no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo.

Em sua quarta edição, o prêmio contemplou 69 ganhadores distribuídos em 23 categorias, como provedores de serviço, tecnologia, Startups, infraestrutura de TI e Telecom, indústria, arquitetura e engenharia, saúde suplementar, filantropia, educação executiva, entre outros.

Na categoria Startups, as empresas ganhadoras foram Memed, responsável pelo lançamento da prescrição médica digital para profissionais do setor no Estado de São Paulo, Anestech, que também venceu o Sharktank promovido pelo Consórcio Brasileiro de Acreditação Hospitalar (CBA). A terceira vencedora foi a Docway, que em 2017 consolidou sua atuação no mercado com a entrada de duas gigantes da saúde em seu portfólio, SulAmérica e Medtronic.

Em infraestrutura de TI e Telecom, as empresas que levaram o troféu para casa foram, Dimension Data, que foi a responsável pela modernização do Data Center, sistema de telefonia e rede de dados do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, a Pixeon, que em 2017 foi responsável por entregar toda a infraestrutura de TI & Telecom de algumas das principais instituições de saúde do País. Outra empresa contemplada foi a Furukawa, fabricante de soluções de infraestrutura de redes e comunicação e energia.

Na categoria Tecnologia, a estante de troféus começa a ficar pequena para MV, Philips e TOTVS, veteranas no segmento e reconhecidas pela excelência em seus sistemas.

Além das categorias voltadas para o setor de TI e Telecom, outras empresas do segmento também foram contempladas pelo Líderes da Saúde. Foram elas, Pixeon e Salux, que se destacaram na categoria Negócios.