Falta de segurança compromete IoT

Guilherme

, Tecnologia

Especialistas em segurança de todo o mundo têm alertado sobre os riscos e vulnerabilidades dos dispositivos conectados, um dos setores que mais cresce nos últimos anos. O perigo, segundo eles, é grande, e alertaram sobre a possibilidade de que a invasão a dispositivos inteligentes cause danos irreversíveis.

“A internet agora afeta o mundo de uma forma física direta. A Internet das Coisas (IoT) vem trazendo informatização e conectividade para milhões de dispositivos em todo o mundo. Estamos conectando carros, aviões, dispositivos médicos e até termostatos domésticos. O que antes era benigno agora pode ser perigoso”, alerta Bruce Schneier, pesquisador e professor da Universidade de Harvard.

De acordo com Schneier, o mercado prioriza detalhes que chamam a atenção do usuário e acaba investindo menos na segurança da informação, deixando os dispositivos vulneráveis.

“As equipes de desenvolvimento desses dispositivos não têm a expertise de segurança que esperamos dos principais fabricantes de computadores e smartphones, simplesmente porque o mercado não está disposto a gastar o que isso exigiria. Ao contrário de seu computador e smartphone, esses dispositivos não recebem atualizações de segurança, e muitos nem sequer têm uma maneira de serem corrigidos”, explica.

Para ele, o cenário é mais complexo porque esses dispositivos demoram mais tempo para serem substituídos. Em alguns casos, o consumidor espera não substituir o equipamento nunca mais.

Preocupados, Schneier e alguns especialistas em segurança enviaram um documento ao Congresso dos Estados Unidos alertando sobre os riscos, principalmente em hospitais e ambientes onde a vida de pessoas é colocada em perigo com as invasões. O objetivo é que seja criado um órgão para fiscalizar o trabalho das empresas e garantir que os usuários estejam seguros.

Via DailyMail

Deixe uma resposta