Inteligência artificial da Microsoft vai ajudar no tratamento do câncer

Guilherme

, Tecnologia

A inteligência artificial da Microsoft vai ajudar nas pesquisas de tratamento de câncer. Uma parceria entre a empresa e o Grupo Oncoclínicas permitirá o uso de recursos de aprendizado de máquina na busca de novas formas de combater a doença.

O aprendizado de máquina vai usar dados e imagens para ajudar médicos a guiarem pacientes para o melhor tratamento para seus casos. Isso inclui tanto decisões relacionadas a radioterapia quanto quimioterapia.

A ideia é usar um banco de dados que una pacientes do Grupo Oncoclínicas – que atua em 10 estados brasileiros – e da rede pública de saúde. O processamento do volume de informações vai ser feito na plataforma Azure, da Microsoft. A partir disso, a parceria prevê a sugestão de tratamentos e medicamentos adequados para cada paciente.

 A parceria será realizada em duas etapas. Na inicial, os pesquisadores do Centro de Estudos Sociedade e Tecnologia (Cest) da Universidade de São Paulo (USP) vão analisar o banco de dados da Oncoclínicas para criar um algoritmo de AI para o uso em pesquisas. Na segunda etapa, 16 mil pacientes devem receber tratamentos com base nesses estudos.