O uso da solução vai proporcionar mais agilidade e qualidade ao serviço

Health-IT

, Sem categoria

Para vencer os desafios de garantir a rastreabilidade de dados, o controle de processos, a redução de falhas e o total cumprimento do Regulamento Teórico para funcionamento de Laboratórios Clínicos 302/2005 da Anvisa, o Laboratório de Análises Clínicas da rede de saúde municipal de Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo, está em processo de implantação do SOUL MV.

Em funcionamento no município há aproximadamente 30 anos e referência em Tuberculose e Hanseníase, o laboratório atende cerca de 50 pessoas diariamente por meio de processos manuais. Isso acarreta em, por exemplo, falta de padronização na identificação de pacientes e ausência de dados relevantes; dificuldade para acompanhamento de histórico de atendimentos; geração de laudos médicos sem autenticidade; atraso na liberação de resultados de exames; e erro na elaboração de relatórios gerenciais e epidemiológicos.

Com a implantação do SOUL MV, essa realidade mudará. A plataforma permitirá que resultados de exames sejam liberados com mais rapidez e possibilidade de acesso via internet; laudos médicos passem a ter integridade e assinatura eletrônica; exista padronização e controle de processos e agendamentos, garantindo coleta de exames em dia e horário marcado sem possibilidade de conflito; e que os custos sejam reduzidos. Além de oferecer um serviço de melhor qualidade, o Laboratório terá condições de cumprir requisitos relativos à Acreditação.

A conclusão da implantação do SOUL MV está prevista para ocorrer no final de março com apoio da Dataci – companhia governamental de Cachoeiro de Itapemirim criada para prestar serviços de tecnologia da informação e comunicação a todos os órgãos e entidades que integram a Administração Pública Municipal. Após essa etapa, estima-se que o número diário de atendimentos no Laboratório de Análises Clínicas aumente 100%.