Pâncreas artificial usa celular para controlar a diabetes

Guilherme

, Tecnologia

As pessoas que sofrem de diabetes precisam acompanhar constantemente o nível de açúcar no sangue e tomar doses de insulina, quando necessário. No entanto, pesquisadores podem ter encontrado uma maneira de permitir que os diabéticos possam viver normalmente sem precisar se preocupar com medidores e agulhas.

Cientistas da Universidade de Harvard testaram um pâncreas artificial que usa um algoritmo em um smartphone para fornecer automaticamente níveis adequados de insulina para o paciente.

O software é capaz de regular os níveis de glicose com base em critérios como atividades físicas, refeições e sono, e refina seu controle de insulina ao longo do tempo aprendendo com os ciclos diários – ou seja, funcionando como um pâncreas de uma pessoa saudável.

Os resultados do teste foram promissores, sendo que em 12 semanas foi possível ver melhorias “significativas”, incluindo níveis reduzidos de hemoglobina glicada (que indica o excesso de açúcar no sangue) e menos tempo gasto em um estado hipoglicêmico.